Depoimento fobia de avião

Meu primeiro vôo foi aos 25 anos, na minha lua de mel. Eu pensava: E se o avião cair? Meu Deus acabei de me casar e já vou morrer?  Durante o voo as minhas mãos ficaram frias, suadas, meu coração acelerou. Foi horrível!

Ao imaginar o retorno tinha os mesmos sintomas e mais dor de barriga e náuseas.

Conheci a Dra Andréia em um Congresso em que ela pregou para mulheres, Nesse Congresso ela explicou sobre o diálogo interno e falou muito sobre corrigir os pensamentos disfuncionais. Percebi que deveria tratar, procurei a Dra Andréia e iniciei o tratamento. Na Terapia Cognitiva Comportamental aprendi a questionar os pensamentos causadores de todo medo e pânico, e eu passei a filtrar todas as histórias ruins sobre aeronave, pois descobri que elas me geravam pensamentos catastróficos. Hoje consigo voar com paz e tranquilidade, depois disso fiz uma viagem de 10 horas de voo, e não tive nenhum sintoma de ansiedade.

P. L. 32 anos ( Contadora)




Nenhum comentário Quero comentar!


Nenhum comentário.

Deixe um comentário