Uma vida com propósito

Texto extraído do livro: Resumo do livro- Uma vida com propósitos. Rick Waren

 Para fortalecer nossa auto-estima é necessário termos propósitos, vivermos com propósitos , independente da nossa idade.

O que dirige a minha vida?

Uma vida dirigida sem propósitos é como um barco sem leme, empurrado pelas circunstâncias do tempo.

Existem inúmeras circunstâncias ruins que podem direcionar uma vida.

Exemplo:

 Muitos são dirigidos pela culpa.

A culpa é a tristeza por termos tomado decisões erradas.

Pessoas dirigidas pela culpa se auto-condenam. Vivem presas ao passado. A Bíblia diz: Feliz aquele cujas maldades Deus perdoa e cujos pecados ele apaga! (Salmos 32:1).

 Muitos são dirigidos pela raiva, rancor.

 Você apenas machuca a si mesmo com a sua amargura. Para o seu próprio bem, aprenda com o passado e então afaste-se dele. A bíblia diz: Ficar desgostoso e amargurado é loucura, é falta de juízo, que leva a morte. (Jó 5:2).

 Muitos são dirigidos pelo medo.

 

  • Seus temores são provavelmente o resultado de experiências traumáticas passadas. Pessoas dirigidas pelo medo com freqüência perdem grandes oportunidades por terem medo de correr riscos. Em vez disso, elas se comportam de maneira cautelosa, evitando riscos e tentando manter a situação como está.

Existem 2 tipos de medo:

  • O medo que preserva e o medo que paralisa:
  • O medo que preserva é um medo natural e saudável,  que nos impede de nos submeter a situações perigosas.
  • O medo que paralisa é como uma prisão. Paralisa nosso potencial, e nos impede de ser o que deus quer que sejamos.. Você tem de agir contra isso, com as armas da fé e do amor.  Acreditando que você é Santo, filho de deus, herdeiro de Deus, menina dos olhos de Deus.

A bíblia diz: No amor não há medo; o amor que é totalmente verdadeiro afasta o medo. Portanto, aquele que sente medo não tem no seu coração o amor totalmente verdadeiro, porque o medo mostra que existe castigo.(I Jo 4:18).

Muitos são dirigidos pelo materialismo.

  • Seu desejo de adquirir se torna o único objetivo na vida. O impulso de sempre querer mais baseia-se no conceito errôneo de que ter mais me tornará mais feliz, mais importante e mais protegido. Mas os três pensamentos são falsos. Posses somente trazem felicidade temporária.
  • Seu valor não é determinado pela suas posses, e Deus deixa claro que as coisas mais valiosas da vida não são os bens!
  • O mito mais freqüente a respeito do dinheiro é o que diz que, quanto mais dinheiro se tem, mais protegido se está. Isto não é verdade. Riquezas podem ser perdidas em um piscar de olhos, em virtude de uma enorme quantidade de fatores incontroláveis. A verdadeira proteção só pode ser achada naquilo que nunca poderão tomar de você seu relacionamento com Deus.

 

Muitos são dirigidos pela necessidade de aprovação.

  • Não conheço todas as chaves do sucesso, mas uma chave para o fracasso é tentar agradar a todos. Ser controlado pelas opiniões dos outros é uma forma segura de deixar de lado os propósitos de Deus para a sua vida. Jesus disse: Um escravo não pode servir a dois donos ao mesmo tempo, pois vai rejeitar um e preferir o outro; ou será fiel a um e desprezará o outro. (Mateus 6:24). Devemos ser como jiló e não como o chuchu.

Nada é mais importante do que conhecer os propósitos de Deus para a sua vida, e nada pode compensar o prejuízo de não conhecê-lo: nem o sucesso, nem as riquezas, nem a fama, nem os prazeres. Sem um propósito, a vida é um movimento sem sentido, uma atividade sem direção e acontecimentos sem motivo. Sem um propósito, a vida é trivial, mesquinha e inútil.

 

AS VANTAGENS DE UMA VIDA DIRIGIDA POR PROPÓSITOS

Existem cinco grandes vantagens em se levar uma vida dirigida por propósitos: 

1.) Conhecer o propósito de sua vida faz com que ela tenha sentido.

Fomos feitos para ser importantes. Quando a vida faz sentido, você pode suportar quase tudo; sem isso, tudo é insuportável.

A esperança é tão essencial para a sua vida como o ar e a água. É preciso esperança para vencer. A esperança é gerada quando se tem propósito.

 2.) Conhecer seu propósito simplifica a vida.

 Ele define o que você faz e o que você não faz. O propósito se torna o padrão pelo qual você avalia quais ações são essenciais e quais não são. Você simplesmente pergunta: “Esse ato me ajuda a cumprir o propósito de Deus para minha vida?”.

Quem não conhece seu propósito tenta realizar além do que deve – e isso causa estresse e fadiga, gerando conflitos. 

3.) Conhecer seu propósito direciona sua vida.

Faz com que Você se torne eficiente ao selecionar o que é prioridade.

Faz parte da natureza humana distrair-se com assuntos de menos importância.

Muitas pessoas ficam girando em um ritmo descontrolado sem jamais chegar a lugar algum, e isso causa um vazio interno.

A Bíblia diz: Não ajam como pessoas sem juízo, mas procurem entender o que o Senhor quer que vocês façam. (Efésios 5:17)

Deixe de ser inconstante. Pare de tentar fazer de tudo. Faça menos. 

4.) Conhecer seu propósito estimula a sua vida.

O propósito sempre produz entusiasmo. Nada traz mais vigor que um propósito claro. No entanto , quando falta um propósito até mesmo levantar-se da cama se torna um fardo.

 2.) Conhecer seu propósito o prepara para a eternidade.

Muitas pessoas passam a vida tentando criar uma herança a ser deixado sobre a terra. Elas querem ser lembradas quando partirem. Entretanto, o que em última análise mais importa não é o que os outros dizem sobre sua vida, mas o que Deus diz.

Viver para criar uma herança na terra é um objetivo pequeno. Uma utilização mais sábia do tempo é construir uma herança eterna. Você não foi posto na terra para ser lembrado. Você foi posto aqui para se preparar para a eternidade.

Chegará o dia em que estará diante de Deus, e ele fará uma auditoria em sua vida; um exame final, antes que você entre na eternidade. A bíblia diz: Pois todos nós estaremos diante de Deus para sermos julgados por ele […] Assim, cada um de nós prestará contas de si mesmo a Deus. (Romanos 14:10b; 12).

Felizmente, Deus quer que passemos nesse teste, por isso ele nos passou as perguntas antecipadamente. A partir da Bíblia, podemos supor que Deus nos fará duas perguntas fundamentais:

Primeira: O que você fez com meu Filho, Jesus Cristo? O único ponto importante será: “Você aceitou o que Jesus fez por você, aprendeu a amá-lo e confiar nele?”.  Jesus respondeu: Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém pode chagar até o Pai senão por mim (João 14:6)

Segunda: O que você fez com que eu lhe dei? O que fez com sua vida – todas as dádivas, talentos, oportunidades, energia, relacionamentos e recursos que Deus lhe deu? Você os gastou consigo mesmo ou os utilizou para os propósitos que Deus lhe deu?

È importante aprendermos a nos valorizarmos para estarmos aptos a responder essas duas perguntas.




8 Comments Quero comentar!


  • Que coisa maravilhosa acabei de ler…

    Comentado por leidilene mendes — 22 de outubro de 2013 @ 15:05

  • Realmente incrível o texto, um resumo de qual é a melhor maneira de viver aqui, e chegar à eternidade com DEUS!

    Comentado por Emerson — 8 de fevereiro de 2014 @ 06:16

  • amei o texto 🙂
    muito bom …..
    vale a pena ler …..

    Comentado por miria — 11 de agosto de 2015 @ 19:01

  • amei o texto 🙂
    muito bom …..
    vale a pena ler …..

    Comentado por Miriâ batista — 11 de agosto de 2015 @ 19:02

  • muito interessante esse resumo, bem explicado… parabéns que Deus a abençoe SMP…

    Comentado por alef — 10 de março de 2016 @ 15:27

  • Amei esse texto me ajudou bastante.Penso em fazer psicologia para ajudar varias pessoas, saber entende-las melhor e falar do amor Deus.

    obrigado .

    Comentado por Beatriz Lorena — 30 de julho de 2016 @ 08:20

  • DR Andreia lindo texto
    É uma pena que não mora em União da Vitória …Seria ótimo uma profissional assim e ainda cristã
    Claudinha

    Comentado por Claudia — 17 de agosto de 2016 @ 23:35

  • Muito bom,me indicaram e vou comprar pra ler por completo.

    Comentado por jozelia — 18 de setembro de 2016 @ 12:37

Deixe um comentário